Webmail CUT

Acesse seu Webmail CUT


Login CUT

Acesse a CUT

Esqueceu a senha?

Trabalhadores e usuários do SUAS denunciam corte de 97% das verbas da assistência social

Protesto ocorreu durante a abertura da Conferência Nacional de Assistência Social.

Escrito por: Déborah Lima • Publicado em: 06/12/2017 - 16:01 • Última modificação: 06/12/2017 - 16:45 Escrito por: Déborah Lima Publicado em: 06/12/2017 - 16:01 Última modificação: 06/12/2017 - 16:45

. Marcelo Manduca e Irene Rodrigues representaram a Confetam/CUT na Conferência

A abertura da Conferência Nacional de Assistência Social, realizada nesta terça-feira (05), em Brasília, foi tomada pelos representantes dos Fóruns Nacionais dos Trabalhadores e Usuários do Sistema Único de Assistência Social (Suas). Eles se uniram num grande protesto contra o desgoverno Temer para denunciar o desmonte do Suas, a falta de investimentos e de atenção à assistência social no Brasil. Em apoio aos Fóruns, toda a plenária aderiu ao protesto, num belo movimento unitário.

A secretária de Saúde do Trabalhador da Confederação dos Trabalhadores no Serviço Público Municipal (Confetam/CUT), Irene Rodrigues, e o diretor da Federação dos Servidores Municipais do Rio Grande do Norte (Fetam/RN), Marcelo Manduca, participaram do protesto, que acusou o corte de 97% das verbas da assistência social.

Na prática, isso significa a suspensão dos serviços oferecidos pelos Crass (Centro de Referência de Assistência Social) e Creas (Centro de Referência Especializado de Assistência Social).

Título: Trabalhadores e usuários do SUAS denunciam corte de 97% das verbas da assistência social, Conteúdo: A abertura da Conferência Nacional de Assistência Social, realizada nesta terça-feira (05), em Brasília, foi tomada pelos representantes dos Fóruns Nacionais dos Trabalhadores e Usuários do Sistema Único de Assistência Social (Suas). Eles se uniram num grande protesto contra o desgoverno Temer para denunciar o desmonte do Suas, a falta de investimentos e de atenção à assistência social no Brasil. Em apoio aos Fóruns, toda a plenária aderiu ao protesto, num belo movimento unitário. A secretária de Saúde do Trabalhador da Confederação dos Trabalhadores no Serviço Público Municipal (Confetam/CUT), Irene Rodrigues, e o diretor da Federação dos Servidores Municipais do Rio Grande do Norte (Fetam/RN), Marcelo Manduca, participaram do protesto, que acusou o corte de 97% das verbas da assistência social. Na prática, isso significa a suspensão dos serviços oferecidos pelos Crass (Centro de Referência de Assistência Social) e Creas (Centro de Referência Especializado de Assistência Social).



Informativo CONFETAM

Cadastre-se e receba periodicamente
nossos boletins informativos.