Webmail CUT

Acesse seu Webmail CUT


Login CUT

Acesse a CUT

Esqueceu a senha?

Confetam/CUT participa do CONAFOR em São Paulo

De 24 a 27 de março, a Central Única dos Trabalhadores (CUT) promoveu o Encontro Nacional de Juventude e Formação (CONAFOR), organizado pela Rede Nacional de Formação.

Escrito por: Thiago Marinho • Publicado em: 29/03/2022 - 16:20 • Última modificação: 29/03/2022 - 16:32 Escrito por: Thiago Marinho Publicado em: 29/03/2022 - 16:20 Última modificação: 29/03/2022 - 16:32

Divulgação O encontro contou com a participação da Secretária de Formação Política da Confetam/CUT, Wésia Sena.

De 24 a 27 de março, a Central Única dos Trabalhadores (CUT) promoveu o Encontro Nacional de Juventude e Formação (CONAFOR), organizado pela Rede Nacional de Formação, em conjunto com o Coletivo Nacional de Juventude. Realizado na Praia Grande (SP), o encontro contou com a participação da Secretária de Formação Política da Confederação dos Trabalhadores no Serviço Público Municipal (Confetam/CUT), Wésia Sena.

Foram quatro dias de exposições, encontros, seminários e debates sobre estratégia da CUT para Formação Profissional, estratégia de Formação e Comunicação da CUT, os desafios do financiamento para a formação sindical e estratégia de Formação e Comunicação da CUT, mais precisamente as Brigadas Digitais. E, pela primeira vez, depois de mais de dois anos de pandemia, de forma presencial.

A mesa de abertura “Política e análise de conjuntura: Estratégia para 2022” contou com a participação de Sergio Nobre, presidente da CUT, a secretária de Formação da CUT, Rosane Bertotti, secretária de Juventude, Cristiana Paiva e a diretora Interina do Escritório da DGB BW para a América Latina, Flávia Silva.

A secretária de Formação da CUT Brasil, Rosane Bertotti, explicou que o encontro é especial, além de ser o primeiro presencial, desde que o mundo entrou na Pandemia da Covid-19, e o encontro de integração entre a Política Nacional de Formação e Juventude, é o ano decisivo das vidas para a Central e para o país.

Segundo a dirigente, “este ano define os rumos do país, e para nós da Central Única dos Trabalhadores, sempre tivemos a clareza, que a vida dos trabalhadores, a política e economia do Brasil estão sempre muito interligados com nossa luta. Para nós este ano é muito importante e fundamental no que se refere a luta e organização da classe trabalhadora”.

Para Wésia, os sindicatos e federações precisam estar mais unificados colocando como pauta principal a classe trabalhadora. “É de suma importância o fortalecimento das nossas bases de luta e representações, para que neste ano de eleições possamos estar desenvolvendo formações com foco na política sindical. Que esse tipo de formação possa, verdadeiramente, promover a libertação para corações e mentes e que povo brasileiro possa sonhar novamente com representantes eleitos pelo povo e que represente os interesses da classe trabalhadora”, finalizou Wésia.

Título: Confetam/CUT participa do CONAFOR em São Paulo, Conteúdo: De 24 a 27 de março, a Central Única dos Trabalhadores (CUT) promoveu o Encontro Nacional de Juventude e Formação (CONAFOR), organizado pela Rede Nacional de Formação, em conjunto com o Coletivo Nacional de Juventude. Realizado na Praia Grande (SP), o encontro contou com a participação da Secretária de Formação Política da Confederação dos Trabalhadores no Serviço Público Municipal (Confetam/CUT), Wésia Sena. Foram quatro dias de exposições, encontros, seminários e debates sobre estratégia da CUT para Formação Profissional, estratégia de Formação e Comunicação da CUT, os desafios do financiamento para a formação sindical e estratégia de Formação e Comunicação da CUT, mais precisamente as Brigadas Digitais. E, pela primeira vez, depois de mais de dois anos de pandemia, de forma presencial. A mesa de abertura “Política e análise de conjuntura: Estratégia para 2022” contou com a participação de Sergio Nobre, presidente da CUT, a secretária de Formação da CUT, Rosane Bertotti, secretária de Juventude, Cristiana Paiva e a diretora Interina do Escritório da DGB BW para a América Latina, Flávia Silva. A secretária de Formação da CUT Brasil, Rosane Bertotti, explicou que o encontro é especial, além de ser o primeiro presencial, desde que o mundo entrou na Pandemia da Covid-19, e o encontro de integração entre a Política Nacional de Formação e Juventude, é o ano decisivo das vidas para a Central e para o país. Segundo a dirigente, “este ano define os rumos do país, e para nós da Central Única dos Trabalhadores, sempre tivemos a clareza, que a vida dos trabalhadores, a política e economia do Brasil estão sempre muito interligados com nossa luta. Para nós este ano é muito importante e fundamental no que se refere a luta e organização da classe trabalhadora”. Para Wésia, os sindicatos e federações precisam estar mais unificados colocando como pauta principal a classe trabalhadora. “É de suma importância o fortalecimento das nossas bases de luta e representações, para que neste ano de eleições possamos estar desenvolvendo formações com foco na política sindical. Que esse tipo de formação possa, verdadeiramente, promover a libertação para corações e mentes e que povo brasileiro possa sonhar novamente com representantes eleitos pelo povo e que represente os interesses da classe trabalhadora”, finalizou Wésia.



Informativo CONFETAM

Cadastre-se e receba periodicamente
nossos boletins informativos.